8d142a41

Quem conhece suas emoções?

“Os objetos no espelho estão mais próximos do que parecem” diz a inscrição no espelho do carro.

Você consegue contar quais são as pessoas que conhecem todas as suas emoções, além de você? Pense um pouco. 2, 4, 5, 10? Ou nenhuma pessoa, além de você mesmo?

Emoções não foram criadas para experimentarmos sozinhos.
Você já se pegou rindo de um celular, ou lembrado de uma piada e outras pessoas ficaram olhando pra você sem entender? “Do que esse louco está rindo?”

É um pouco constrangedor as vezes não é? Engraçado que quando estamos felizes e rimos em um lugar, a tendência das pessoas é nos constranger – ficar comentando, olhando estranho e tal. MAS, se num lugar comum ou até alegre, nós estamos TRISTES, pouquíssimas pessoas vem até nós para saber se está tudo certo. PARECE QUE É MEIO NORMAL SER TRISTE. Já percebeu isso?

Por padrão, o mundo aceita uma pessoa triste e apática – estranho é ela ser bem-humorada, divertida e rir de tudo. É como se um casal de namorados se olhasse e falasse: “Nossa a gente nunca briga né? Acho que precisamos brigar um pouco”.
Tem algum sentido? Nós muitas vezes deixamos o mundo ditar o que nós precisamos sentir e experimentar. Logo nos esquecemos que foi para uma vida de liberdade e alegria que Jesus nos criou.

Agora, é muito melhor dar risada e experimentar bons (e maus) momentos com amigos. Não digo milhares de amigos – mas pelo menos 1 que realmente entende como estamos nos sentindo.

E essa necessidade que temos em nosso coração foi algo criado por Deus. Em Genesis Deus diz que não era bom o homem estar só – e quando Ele diz isso, não é apenas sobre um casamento, mas principalmente sobre um amigo, uma amiga, uma companhia.

Em Tiago 4:8 temos uma frase interessante:
“Aproximem- se de Deus, e ele se aproximará de vocês”

Não temos em nossa cultura uma facilidade para abordar desconhecidos. Para nós não é simples chegar e abordar alguém e começar a conversar. Sempre esperamos alguém nos apresentar, ou pelo menos ter alguma coisa em comum…

Quando estive em Los Angeles em um parque de diversões, um homem me abordou simplesmente porque eu usava uma camiseta do Star Wars – e em 5 min ele estava me contando toda sua vida: que ele estava se separando, que estava buscando uma resposta de Deus, etc. E eu pensava comigo: “COMO ASSIM? Esse cara só pode ser maluco”. Mas ele viu em mim alguém que ele poderia conversar, não sei realmente o porque – mas ele se sentiu confortável.

E nós com Deus? Ele é um desconhecido para nós, ou é alguém com quem mantemos relacionamento? Tiago na Bíblia faz uma afirmação clara e sem deixar nenhuma dúvida: aproximem-se de Deus, e ele se aproximará de vocês. Em outro trecho da bíblia, está escrito: “se buscarmos o senhor de todo o coração, nós o encontraremos” (Jr 29:13-14).

As vezes nós nos enganamos dizendo que temos muitos amigos e relacionamentos. As redes sociais fazem isso conosco (temos 1500 amigos no facebook, 1346 seguidores no instagram). Nunca conversamos com 10% deles.

O mesmo pode acontecer com Deus. Cantamos uma música, oramos para abençoar a comida, para nos dar um bom dia, uma boa semana – mas ouvir o que Ele tem a dizer, se interessar pelo que Ele se interessa, não. Não temos tempo. Nós nos enganamos dizendo que temos um relacionamento íntimo com Deus, quando na verdade, conhecemos apenas uma sombra de quem realmente Deus é.

Tiago 4:5 diz “Ou vocês acham que é sem razão que a Escritura diz que o Espírito que ele fez habitar em nós tem fortes ciúmes?” – O Espírito Santo tem ciúmes de nós. Ou seja, ele nos ama TANTO que quando não nos encontramos com Ele, não damos atenção a Ele, ele sente sim CIÚMES. Engraçado pensar isso né? Quantos aqui já sentiram ciúmes?

E agora eu pergunto pra vocês: porque sabendo de tudo isso ainda não queremos realmente um relacionamento com Deus? Porque sabe, a única forma de termos controle sobre as nossas emoções e sentimentos é:
1) Deixar que Ele nos conheça intimamente
2) e entregar tudo nas mãos Dele

Nos falta uma coisa: Temor à Deus.
Deus não estará em um lugar onde Ele não é tratado com reverência e respeito.

O QUE É TEMOR À DEUS?
– Não é ter medo de Deus (Exodus 20:20 Moisés disse ao povo:“Não tenham medo! Deus veio prová- los, para que o temor de Deus esteja em vocês e os livre de pecar”)
– A pessoa que tem medo de Deus, tem algo a esconder.
– A pessoa que teme a Deus, não tem nada a esconder – ela tem medo de ficar longe de Deus.
– Ter temor à Deus é realmente estar com MUITO medo de ficar afastado de Deus.
– Temor a Deus é venerá-lo, amar o que Ele ama, o que é importante para Ele se torna importante para nós.

Temer o Senhor é odiar o mal;
odeio o orgulho e a arrogância,
o mau comportamento
e o falar perverso
Proverbios 8:13

TEMER A DEUS É TER MEDO DE FICAR AFASTADO DELE.
Deus se faz presente onde há reverencia, confiança, respeito. Quando nós vivemos em pecado, ocultando as coisas em nossa vida – DEUS NÃO PODE ESTAR PRESENTE. Interessante pensar que no antigo testamento, apenas alguns poderiam experimentar o poder de Deus – exatamente pelos pecados que eles tinham. Agora, após Jesus, nós não temos mais esse peso. Ele morreu por todos os nossos pecados, nos dando livre acesso ao Pai.

“ Por estarmos unidos com Cristo, por meio da nossa fé nele, nós temos a coragem de nos apresentarmos na presença de Deus com toda a confiança” Efésios 3:12 NTLH

Nós não temos nada mais que nos separa de um relacionamento com Deus. Somente nós mesmos podemos nos separar Dele. Agora como controlar nossas emoções? Como não viver em uma montanha russa de emoções?  TEMER A DEUS é uma das respostas. E uma pessoa que teme a Deus :

1) A pessoa obedece a Deus instantaneamente
2) Obedecerá a Deus mesmo que isso não faça sentido
3) Obedecerá a Deus mesmo quando isso machuca
4) Obedecer mesmo que eu não veja beneficio
5) Obedece até o final , 100%

Enquanto não conheço realmente a Jesus de perto, enquanto não tenho Ele como Videira e eu como um ramo, eu serei sempre tratado como servo. Mas se tenho ele como fundamento, se estou conectado com ele e entendo sua posição – tenho reverencia a ela – Eu me torno amigo de Deus, me torno amigo de Deus.

Gal 4:1 “Digo porém que, enquanto o herdeiro é menor de idade, em nada difere de um escravo, embora seja dono de tudo” – Quando somos crianças, pequenas na fé, somos como escravos (Servos) porque Deus quer nos proteger.

Quando somos amigos, Deus compartilha mais responsabilidade conosco. “Já não os chamo servos, porque o servo não sabe o que o seu senhor faz. Em vez disso, eu os tenho chamado amigos, porque tudo o que ouvi de meu Pai eu lhes tornei conhecido” (João 15:15)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>